Pai João

De roupinha velha viveu pai joão
De chapéu de palha e de pé no chão

O pobre velho vivia a sofrer
Não tinha onde dormir, não tinha o que comer
Os homens maus não tinham compaixão
De ver o sofrimento do velho pai joão
 
Pai joão, pai joão
Viveu de calça velha,
De chapeu de palha e de pé no chãoPai joão, pai joão
Viveu de calça velha,
De chapeu de palha e de pé no chão