Lua de Ogum (part. Zeca Pagodinho)

A lua
Quando clareia o terreno
Em forma de pandeiro
O samba brasileiro fica mais bonito
A voz do partideiro
Vai ao infinito
Há sempre uma história a contar
Pro povo que veio de lá
De além-mar
É uma voz que não se cala
Que superou a senzala
E conseguiu se libertar

É uma voz que não se cala
Que superou a senzala
E conseguiu se libertar

Os astros têm influência no samba
Clareia a mente de um bamba
Que cultiva a inspiração
Lua de Ogum
Não deixe em momento algum
Meu samba na escuridão
Clareia meus acordes musicais
Ou será que a lua
De São Jorge não é mais
Clareia meus acordes musicais